Notícia

A equipe do Instituto Internacional para Sustentabilidade marcou presença na VII Conferência Mundial sobre Restauração, realizada em Foz do Iguaçu entre os dias 27 de agosto e 01 de setembro de 2017

Os pesquisadores do IIS fizeram 10 apresentações orais e 3 pôsteres. E com muita satisfação o IIS anuncia que Viviane Dib ganhou um prêmio pela terceira melhor apresentação de pôster, intitulada "Spatial Prioritization in Brazil's Atlantic Forest: First Steps to an Aquatic Ecosystem Services Approach".

Aqui está a lista completa dos trabalhos que apresentamos:

  • The Economics of Ecosystems & Biodiversity (TEEB) in the Rio do Paraiba do Sul basin (SP) (A economia de Ecossistemas & Biodiversidade na Bacia do Rio Paraíba do Sul – SP) - Agnieszka Latawiec
  • Fundamental Aspects of the Economics of Restoration (Aspectos Fundamentais da Economia da Restauração) - Bernardo Strassburg
  • Economic Incentives for Native Vegetation Recovery at Different Scales and their Interface with Public Policies (Incentivos econonômicos para a recuperação da vegetação nativa em diferentes escalas e sua interface com políticas públicas) - Bernardo Strassburg
  • A Flexible, Multicriteria Modelling Approach to Prioritise Restoration Aiming at Maximising Multiple Benefits and Minimising Costs: A Case Study for the Atlantic Rainforest (Uma abordagem de modelagem flexível e multicriterio para a priorização da restauração com o objetivo de maximizar múltiplos benefícios e minimizar custos: um estudo de caso para a Mata Atlântica)  - Bernardo Strassburg
  • International Perspectives and Lessons on Restoration with Focus on Supporting Society and Business  (Perspectivas e lições internacionais sobre restauração com foco em apoiar a sociedade e os negócios)  - Bernardo Strassburg
  • Complex Socio-Ecological Drivers of Natural Regeneration in the Brazilian Atlantic Forest Hotspot (Vetores socioecológicos complexos de regeneração natural no Hostpot Mata Atlântica)- Renato Crouzeilles
  • Ecological Restoration Success is Higher for Natural Regeneration than for Active Restoration in Tropical Forests (O sucesso da restauração ecológica é maior para a regeneração natural do que para a restauração ativa nas florestas tropicais) - Renato Crouzeilles
  • Gaps and Bridges Between Science and Practice: Ecological Restoration in Rio de Janeiro, Brazil  (Lacunas e pontes entre a ciência e a prática: restauração ecológica no Rio de Janeiro, Brasil) Fernanda Tubenchlak
  • Look Down – there is a gap – Need to Include Soil Data in Restoration Projects in Atlantic Forest of Brazil   (Olhe para baixo – há uma lacuna – A necessidade de incluir os dados de solo nos projetos de restauração na Mata Atlântica) - Maiara Mendes
  • Socioeconomic Impacts of Restoration: The Case of Mutirão de Reflorestamento in Rio de Janeiro (Impactos socioeconomicos da restauração: o caso do Mutirão de Reflorestamento na cidade do Rio de Janeiro) - Luisa Lemgruber
  • Monitoring Restoration Success of Soil’s Quality in Forested Ecosystems: A Global Metaanalysis (O sucesso do monitoramento da qualidade do solo na restauração  de ecossistemas florestados: uma meta-análise global) - Adriana Allek Litaiff
  • The Effect of Biochar on Atlantic Forest Seedlings: Environmental and Socio-Economic Analysis (O efeito do biochar em mudas da Mata Atlântica: Análises ambientais e socioeconômicas) Aline Furtado Rodrigues
  • Spatial Prioritization in Atlantic Forest: Firsts Steps to an Aquatic Ecosystem Services Approach (Priorização Espacial na Mata Atlântica: Primeiros passos para uma abordagem de serviços ecossistêmicos aquáticos) - Viviane Dib da Silva

 

Compartihe: