Notícia

Evento se dedicará ao desenvolvimento de parceria global para a regeneração natural das florestas

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro hospedará, nos dias 19, 20 e 21 de novembro, o workshop “O papel da regeneração natural na Restauração de Paisagens em larga escala - construindo as bases de uma parceria global para promover a regeneração natural”. O encontro, que será realizado no Solar da Imperatriz, é restrito à participação de convidados e reunirá membros da academia, governo, empresas e organizações não-governamentais – oriundos de diversos estados do Brasil e também de outros países – para a discussão sobre o papel da regeneração natural na restauração florestal.

Durante o evento serão discutidos diversos aspectos, como os fatores que limitam o uso da regeneração natural como ferramenta de restauração. O uso desta metodologia pode reduzir significativamente o custo de restauração, além de garantir a presença de espécies nativas e viabilizar a conservação da biodiversidade, sequestro de carbono e proteção dos recursos hídricos. Apesar dos benefícios econômicos e ambientais já comprovados, a regeneração natural não tem sido priorizada na elaboração de programas e políticas públicas voltadas à restauração florestal.

O workshop possui três objetivos principais:

- Assegurar que os líderes políticos, tomadores de decisão, práticos e os profissionais estejam cientes que algumas situações da paisagem permitem metodologias de restauração de baixo custo, com destaque para regeneração natural em situações de resiliência, e que possam considerá-las como estratégias viáveis em sua carteira de restauração

- Desenvolver um arcabouço multisetorial que quantifique as situações de paisagem que permitem a regeneração natural como estratégia de restauração de baixo custo, tendo o Brasil como um incubador;

- Iniciar o planejamento para o estabelecimento de uma parceria global com foco na regeneração natural, que promoverá colaboração entre os países que possuem metas de restauração em larga escala.

Dentre os palestrantes confirmados estão Bernardo Strassburg, diretor executivo do Instituto Internacional para Sustentabilidade; Miguel Calmon, gerente em Restauração da Paisagem da União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN, sigla em inglês); Rachel Biderman, diretora do World Resources Institute (WRI) no Brasil e Robin Chazdon, professora na Universidade de Connecticut, nos Estados Unidos.  

O workshop é organizado pelo Instituto Internacional para Sustentabilidade, World Resources Institute, International Union for Conservation of Nature e PARTNERS, com o apoio do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Food and Agriculture Organization of the United Nations, Conservation on Biological Diversity e Pacto pela Restauração da Mata Atlântica.

Compartihe: